Como preparar o seu time de recrutamento para contratação de talentos em tecnologia globalmente

No segundo dia do RH Summit, esteve presente Ulyana Zilbermints, vice-presidente da Avenue Code, apresentando a palestra Como preparar o seu time de recrutamento para contratação de talentos em tecnologia globalmente.

No segundo dia do RH Summit, esteve presente Ulyana Zilbermints, vice-presidente da Avenue Code, apresentando a palestra Como preparar o seu time de recrutamento para contratação de talentos em tecnologia globalmente.

image2-4

No painel, Ulyana contou um pouco sobre como um recrutamento pode ser feito a nível global, isto é, rompendo as barreiras territoriais. A palestra levou em consideração, essencialmente, o mundo após a pandemia de Covid-19, que se tornou muito mais flexível a respeito das relações de trabalho – principalmente por conta do regime home office.

Ulyana compartilha que, apesar do desafio de contratar talentos, muitas empresas (inclusive a Avenue Code) encontraram grandes vantagens quando começaram a realizar contratações de profissionais em outros países.

A partir disso, ela compartilhou alguns pontos sobre como manter toda a equipe em conexão e alinhada ao DNA da empresa (mesmo que ela esteja espalhada pelo globo), além de prezar pela diversidade nas contratações.

Ulyana percebe com bons olhos essa contratação acontecendo para além da geografia local, e enxerga que isso é uma oportunidade de oferecer aos profissionais cada vez mais oportunidades de poderem trabalhar em qualquer lugar.

Sobre a manutenção da cultura organizacional nessas condições, a palestrante contou que o ideal é introjetar a cultura da empresa desde o momento do recrutamento e ir a alinhando no dia a dia, até que os colaboradores – apesar de distantes geograficamente – a compreendam.

Outros pontos, para além da introdução da cultura, foram destacados como sendo importantes, como a separação em categorias, o entendimento de onde vem a tecnologia e também pensar sobre os clientes.

Zilbermints ainda conta sobre os diversos programas que são oferecidos de forma contínua que causam impactos em muitos aspectos da rotina do colaborador que representa uma empresa em diversos países. Um exemplo disso é o progresso de carreira desse profissional dentro da empresa.

A palestrante também comentou sobre a diversidade dentro da organização, essencialmente nas vagas de tecnologia, e também comentou sobre a importância em procurar por essa diversidade, investindo na transformação de mulheres, por exemplo, dando condições de oportunidade para a diversidade de forma geral e garantindo que esse acesso esteja, de fato, acontecendo.

O pensamento defendido no painel, em suma, é a descoberta da habilidade (ou seja, o talento do candidato), separando-o de acordo com o lugar do mundo em que ele se encontra e, assim, pensar na questão da diversidade.

Ulyana Zilbermints ainda aponta a necessidade de manter o time junto, independentemente do lugar em que os colaboradores se encontram, e ainda mostra que cultivar a cultura organizacional entre eles ajuda para que todos fiquem conectados.

Ao final, a palestrante disse que é necessário manter a comunicação aberta, sem criar barreiras internas, para que os colaboradores, mesmo que não queiram falar, tenham um canal de comunicação disponível. Outros pontos, como a flexibilidade organizacional e assumir pequenos riscos, também foram destacados por Ulyana como sendo positivos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *