Como implementar um plano de benefícios flexíveis na minha empresa?

Collaboration is a key to best results. Group of young modern people in smart casual wear planning business strategy while young woman pointing at infographic displayed on the glass wall in the office

Implementar um plano de benefícios flexíveis não precisa ser uma tarefa difícil. Leia dicas sobre como facilitar esse processo no blog da Flash Benefícios.

Ter um plano de benefícios flexíveis é uma prática que tem se consolidado como uma das mais populares tendências do mundo corporativo. Uma vez que oferecem vantagens para empregadores e empregados na mesma medida, sua popularidade é mais do que justificada.

Ao contrário do que muitos pensam, a implementação de benefícios flexíveis pode ser simples e descomplicada. Para te ajudar nessa jornada, preparamos este artigo com dicas e informações sobre o processo de implementação de um plano de benefícios flexíveis em sua empresa. Boa leitura!

Como implementar beneficios flexiveis?

O que são os benefícios flexíveis?

Os benefícios flexíveis são benefícios divididos em categorias que podem ser autogeridas pelos colaboradores das empresas. Na categoria de mobilidade, por exemplo, o colaborador não precisa receber apenas um vale-transporte, mas, sim, utilizar um cartão para andar de ônibus, carros alugados e com motoristas de aplicativo.

Como funcionam os benefícios flexíveis?

Em um planejamento de benefícios flexíveis, a empresa é capaz de oferecer diferentes vantagens para seus colaboradores, que, então, escolhem quais das opções dispostas mais se adequam às suas necessidades.

Os benefícios podem ser distribuídos em diversos formatos. Os cartões físicos e os saldos digitais em aplicativos, por exemplo, são dois dos mais populares. Entre os benefícios mais oferecidos, estão o Auxílio Home Office, o incentivo a práticas de atividades físicas, bolsas de estudo, vale-refeição ou alimentação e mais.

As empresas podem escolher mudar os benefícios oferecidos anualmente ou semestralmente, dependendo do perfil de seus colaboradores. Contudo, na hora da implementação, é importante procurar por uma gestora de benefícios confiável e experiente no mercado, a fim de evitar dores de cabeça.

Quais são as vantagens dos benefícios flexíveis?

Dar mais independência para seus funcionários pode ser uma ótima forma de melhorar a satisfação geral e, consequentemente, otimizar a produtividade das equipes. 

Além disso, ao proporcionar mais recursos para seus colaboradores, é possível que eles desempenhem suas funções com mais tranquilidade e foco.

Os funcionários não são os únicos que ganham com um bom plano de benefícios flexíveis, no entanto. Existem muitas vantagens para as empresas! A maior delas, sem dúvidas, é a otimização dos resultados. Além disso, os benefícios podem ajudar a reter os melhores profissionais da sua equipe, além de atrair a atenção do mercado, facilitando processos de seleção.

Quais benefícios podem ser oferecidos?

Benefícios flexíveis não são uma ciência complicada. As necessidades variam de empresa para empresa e, exatamente por isso, a flexibilidade é um fator tão importante. Existem diversos benefícios que podem ser ofertados como flexíveis, como:

  • Vale-alimentação ou refeição;
  • Transporte e mobilidade;
  • Auxílio-creche;
  • Incentivo à especialização e estudos;
  • Auxílio Home Office;
  • Vale-cultura (e muito mais!).

Leia também: Benefícios flexíveis: a melhor forma do colaborador escolher os benefícios da sua empresa

O que considerar ao implementar os benefícios flexíveis?

Durante a implementação, é essencial que seja mantido um canal de comunicação aberto e transparente entre a equipe de Recursos Humanos (RH) e os demais funcionários. Isso evita que os colaboradores se sintam alienados ao processo. Outros cuidados:

Entenda do que seus funcionários precisam

Procure fazer uma detalhada análise de perfil dos seus colaboradores, compreendendo a fundo quais são as suas necessidades e desejos. Esse passo certamente fará com que a recepção seja melhor.

Analise qual pacote de benefícios mais se encaixa às suas necessidades

Munido de informações, seu departamento de RH tem mais propriedade para decidir qual pacote de benefícios melhor atenderá às necessidades dos colaboradores.

Tome tempo para explicar o novo sistema às equipes

Explicar os detalhes do novo plano de benefícios, e manter um canal aberto para sanar dúvidas, é importante para que todo o processo seja concluído com mais transparência.

Quais erros a empresa não pode cometer nessa implementação?

Veja agora quais são os principais erros que não devem ser cometidos ao implementar os benefícios flexíveis:

Legislação

A legislação trata dos benefícios corporativos nos artigos 457 e 458 da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). A não observância desses e de outros dispositivos legais pode fazer com que a empresa fique em maus lençóis no que tange à natureza dos pagamentos. 

Os pagamentos feitos em dinheiro (indenizatórios) não são considerados benefícios, mas integram o salário dos colaboradores. Caso os benefícios sejam considerados “salário”, perdem a sua característica, demandam o pagamento de mais tributos e se tornam caros para a empresa.

Desorganização

Os benefícios flexíveis proporcionam mais liberdade e autonomia para os colaboradores, mas isso não significa que devem ser geridos de forma relapsa e desorganizada. É preciso que a empresa organize a distribuição dos benefícios, pague-os sempre em dia e tenha um ou mais profissionais designados para supervisionar a sua gestão.

Igualdade

Os benefícios podem ser oferecidos de forma autônoma para colaboradores que ocupam cargos diferentes dentro de uma empresa. Porém, para um grupo que atua dentro da mesma categoria, eles devem ser iguais para que nenhum colaborador se sinta prejudicado.

Quais cuidados devem ser tomados ao escolher os benefícios flexíveis?

Veja alguns cuidados importantes na hora de escolher os benefícios:

Empresa especializada

Para ficar resguardada de qualquer impasse judicial relacionado ao oferecimento dos benefícios flexíveis, a organização deve contar com uma empresa especializada nesse tipo de solução. A Flash Benefícios, por exemplo, oferece respaldo jurídico, tecnológico e tributário. Com esse auxílio, a empresa fica muito mais segura.

Orçamento

Antes de escolher os benefícios, é preciso avaliar qual é o orçamento disponível para cada um deles. Se o benefício for de alimentação, por exemplo, é importante avaliar quanto tempo ele terá o mesmo valor antes que fique defasado pela inflação. O mesmo acontece com o auxílio para academia, auxílio creche e outros benefícios.

Convenção coletiva de trabalho

O mais recomendado é que, ao escolher e implementar os benefícios, a empresa o faça por meio de uma convenção coletiva de trabalho. Assim, é possível saber a opinião dos colaboradores e assegurar que tudo está correto sob a ótica jurídica.

Por que escolher os benefícios flexíveis da Flash Benefícios?

Quando o assunto é a gestão de benefícios da sua empresa, não há espaços para erros. A Flash é uma empresa com muita experiência no mercado, consolidando-se como a maior empresa de benefícios flexíveis do Brasil.

Nossa plataforma é confiável e intuitiva, ajudando equipes de RH a otimizar o tempo de trabalho e o nosso App  oferece autonomia para que os próprios funcionários façam processos como consultas de saldo, bloqueio de cartão e mais.

Além disso, a Flash não possui cobranças extras em seu contrato. Todos os meses, você saberá exatamente o quanto vai pagar pela gestão de benefícios; sem surpresas e sem burocracias.

Nós também somos uma empresa vinculada ao Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT), garantindo todos os incentivos fiscais pela oferta do vale-refeição ou alimentação.

Se interessou pela Flash? Agende uma demonstração!
Temos uma equipe preparada para responder todas as suas dúvidas sobre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *