Como desenvolver times de RH de alta performance

Renee Mauldin, chief people officer do Nubank, fez uma palestra encantadora no quinto e último dia do RH Summit 2021 sobre Como desenvolver times de RH de alta performance. A curadoria do conteúdo foi realizada por Igor Lopes.

Renee Mauldin, chief people officer do Nubank, fez uma palestra encantadora no quinto e último dia do RH Summit 2021 sobre Como desenvolver times de RH de alta performance. A curadoria do conteúdo foi realizada por Igor Lopes.

image1-Jun-28-2021-07-28-48-96-PM

O começo da palestra foi pautado pela visão de Renee sobre um time de RH ideal e de alta performance. Para ela, as organizações estão se movimentando em direção a isso, mas não é possível saber se essa perfeição chegará algum dia.

Atualmente, já é possível visualizar times de pessoas que têm uma postura mais produtiva, proativa e frente à curva em termos de aonde os negócios das suas empresas estão indo.

A palestrante comentou que em sua equipe de RH não estão apenas pessoas da área. O time é composto por pessoas que possuem habilidades em termos de Jornalismo, Marketing e operações, por exemplo. Isso é excelente para desenvolver equipes mais ligadas às estratégias do negócio.

Em relação à experiência dessa diversidade de pessoas, Renee diz que acredita que nós somos o que nós almejamos. A partir disso, a equipe deve traçar quais são as suas metas, o que querem aprender e o que querem experimentar.

“We are what we measure” – Renee Mauldin

A conversa chegou até à automatização do Nubank, a qual a palestrante falou que é medida com métricas específicas para que dê certo. Além disso, a empresa conta com uma equipe técnica especializada para que a automatização funcione da forma adequada.

Para formar um time multidisciplinar, foi preciso avaliar as qualidades de cada colaborador, não necessariamente pela área que ele estava inserido, mas pelas habilidades e conhecimentos que ele possuía.

No dia a dia, esse time tão diverso funciona de forma fluida e flexível. Há reuniões semanais, mas eles conversam e contribuem muito com outras áreas. Todos estão integrados e alinhados com os objetivos da empresa.

Também há rituais em que as pessoas se juntam para um coffee break antes e depois das reuniões para dialogar e conversar de forma mais informal. O processo é chamado de check-in e check-out. Alguns times ainda fazem meditação antes das reuniões para conseguirem focar melhor no encontro.

Em relação à mensuração dos resultados que os times apresentam, a empresa verifica essas questões trimestralmente, semestralmente e em períodos específicos para algumas áreas. Para o recrutamento, por exemplo, a medição dos resultados é feita semanalmente.

Para criar uma atmosfera bacana e deixar as pessoas felizes ao trabalhar no Nubank, o RH contrata pessoas que estão realmente alinhadas com a cultura da empresa. Segundo a palestrante, o segredo é contratar profissionais que realmente se importam!

“It’s all about hiring people who care!” – Renee Mauldin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *